Download details

TURISMO E CULTURA: UMA LEITURA DO ESPAÇO URBANO POCONEANO EM SUAS SINGULARIDADES TURISMO E CULTURA: UMA LEITURA DO ESPAÇO URBANO POCONEANO EM SUAS SINGULARIDADES HOT

SILVANA MARIA DE MORAES ABDALLA
Orientador GISLAENE MORENO
Ano de Defesa 2006

RESUMO

O presente trabalho aborda as manifestações culturais que ocorrem no espaço urbano

poconeano, notadamente por ocasião da realização dos festejos religiosos do Senhor

Divino e de São Benedito. O município de Poconé localiza-se na porção centro-sul

mato-grossense, micro-região Alto Pantanal, distante 104 Km de Cuiabá, capital de

Mato Grosso. Quando se caminha pela cidade, percebe-se que a configuração do seu

espaço não difere dos demais núcleos que tiveram a sua ocupação no século XVIII.

Desde a entrada até o centro observam-se em suas ruas estreitas, praças e outros

elementos urbanísticos, alguns sinais de sua ocupação iniciada com a atividade

mineradora. De todos os seus elementos urbanos, privilegiam-se aqueles que

ambientam os seus festejos religiosos e as suas manifestações folclóricas: a praça, a

igreja, o clube e outros representantes de sua paisagem cultural. Com relação ao

cenário econômico, destacam-se as seguintes fases: o ciclo do ouro por ocasião do seu

processo de ocupação, a pecuária que já o colocou como um dos maiores produtores

de bovinos de Mato Grosso e o ressurgimento, ainda que de forma desordenada, da

mineração aurífera. Atualmente, surge a atividade turística como uma alternativa para o

pecuarista pantaneiro, que a vê como uma oportunidade de sobrevivência do seu

negócio já não mais viabilizado unicamente pela criação de gado. Dois segmentos

turísticos evidenciam-se em sua oferta mercadológica: o ecoturismo e o turismo rural.

Os atrativos naturais são os que mais se destacam, principalmente em função da

beleza cênica da paisagem natural pantaneira, em detrimento dos atrativos históricoculturais.

Ainda que estas evidências tenham sido constatadas em pesquisas, acreditase

que a cidade de Poconé, dentro desse contexto, deve ser percebida e interpretada

como um lugar onde ocorrem as representações culturais constitutivas da identidade do

homem pantaneiro. Nesse contexto, a pesquisa qualitativa é utilizada como

procedimento metodológico durante o processo de pesquisa, como também a pesquisa

bibliográfica com foco nas abordagens humanista e cultural na Geografia. O espaço,

sob a abordagem fenomenológica, é identificado enquanto espaço vivido e percebido,

consubstanciado no conceito de lugar. Como a autora deste trabalho é natural de

Poconé, constitui-se um desafio discutir alguns aspectos do que foi experienciado no

seu mundo vivido, na cidade onde nasceu. Sob o seu olhar estão, certamente,

particularidades do lugar enquanto espaço vivido. As praças, as ruas, os caminhos, a

religiosidade e as manifestações culturais da pequena Poconé, evocam de um passado

longínquo as suas lembranças e propiciam estabelecer preciosas relações com o

presente. Norteia a trajetória dos seus escritos um sentimento de pertença, de

identidade, de identificação com o lugar. Portanto, ao se lançar um olhar sobre as

manifestações culturais que ocorrem no espaço urbano poconeano, propõe-se

identificá-las como uma alternativa para que a comunidade possa oferecer aos

visitantes a oportunidade de vivenciar alguns componentes da sua cultura. Os

tradicionais festejos religiosos do Senhor Divino e de São Benedito, em seus

componentes sagrados e profanos, constituem-se em uma proposta de interpretação

aos turistas que se dirigem ao Pantanal Mato-grossense. Este estudo, com base nas

proposições da base epistemológica da Geografia, com destaque para a abordagem

fenomenológica, propõe-se a efetuar a leitura da cidade de Poconé enquanto lugar,

enquanto espaço vivido e percebido.

 

ABSTRACT

The present work approaches the cultural manifestations that occur in the poconeano

urban space, for occasion of the accomplishment of the religious celebrations Senhor

Divino and of São Benedito. The city of Poconé is situated in the portion center-south

mato-grossense, High micron-region Pantanal, distant 104 km of Cuiabá, capital of Mato

Grosso. When it is walked for the city, perceives that the configuration of its space does

not differ from the too much nucleus that had had its occupation in century XVIII. Since

the entrance until the center they are observed in its narrow streets, squares and other

elements, some signals of its occupation initiated with the mining activity. Of all its urban

elements, are privileged those that adapt its religious celebrations and its folklore

manifestations: the square, the church, the club and other representatives of its cultural

landscape. With regard to the economic scene, the following phases are distinguished in

its economy: the cycle of the gold for occasion of its process of occupation, the cattle

one that already it placed it as one of the producing greater of bovines of Mato Grosso

and the reappearance, despite of disordered form, the auriferous mining. Currently, the

tourist activity appears as an alternative for the pantaneiro farmer, that sees it as a

chance of survival of its not made possible business already more solely for the cattle

creation. Two tourist segments are proven in its offer marketing: the ecologic tourism

and the agricultural tourism. Attractive the natural ones are the ones that more are

distinguished, mainly in function of the scenic beauty of the pantaneira natural

landscape, in detriment of attractive the description-cultural ones. Despite these

evidences have been evidenced in marketing research, it gives credit that the city of

Poconé, inside of this context, must be perceived and be interpreted as a place where

the constituent cultural representations of the identity of the pantaneiro man occur. In

this context, the qualitative research is used as methodology procedure during the

research process, as well as the bibliographical research with focus in the boardings

cultural humanist and in Geography. The space, under the phenomenon boarding, is

identified while lived and perceived, consisted space in the place concept. As the author

of this work is natural of Poconé, a challenge consists to argue some aspects of what it

was experienced in its lived world, in the city where it was born. Under its look they are,

certainly, particularities of the place while lived space. The squares, the streets, the

ways, the religiosity and the cultural manifestations of the small Poconé, evoke of a

distant past its souvenirs and propitiate to establish precious relations with the gift. A

feeling of belongs, identity, identification with the place guides the trajectory of its

writings. Therefore, to if launching a look on the cultural manifestations that occur in the

poconeano urban space, it is considered to identify them as an alternative so that the

community can offer to the visitors the chance to live deeply some components of its

culture. The traditional religious celebrations Senhor Divino and of São Benedito, in its

sacred components and profane, they consist in a proposal of interpretation to the

tourists who go to the Pantanal Mato-grossense. This study, on the basis of the

proposals of the epistemological base of Geography, with prominence for the

phenomenon boarding, is considered to effect it the reading of the city of Poconé while

place, while lived and perceived space.

 

Information
Autor SILVANA MARIA DE MORAES ABDALLA
Orientador
Ano de Defesa 2006
Size 8.19 MB
Rating
(0 votes)
Created by Michely
Changed by Michely
Downloads 1.086
License
Price

Defesas

Não há eventos programados!